Home » Esporte » 400 ATLETAS CORREM A MEIA MARATONA ÁGUA VERMELHA-SANTA EUDÓXIA

400 ATLETAS CORREM A MEIA MARATONA ÁGUA VERMELHA-SANTA EUDÓXIA

Antes da prova muita expectativa. “Me preparei bem. Há 3 meses estou fazendo um treino diferenciado, específico para a corrida de Água Vermelha-Santa Eudóxia. É um trajeto muito difícil, a gente que é atleta diz que é um trajeto traiçoeiro. Começa plano, tem subida e termina na descida”, contou Alan Magari, atleta.

“É minha primeira meia maratona. Eu espero conseguir terminar a prova, se conseguir colocação na categoria está ótimo”, falou a advogada, Joana Mota.

A dona de casa Roseli Bumussi quer melhorar seu tempo. “Essa é minha quarta meia maratona. Estou muito preparada. Quero tentar fazer em menos de duas horas, melhorar meu tempo, mas se chegar a Santa Eudóxia está ótimo”.

Até o Papai Noel apareceu. “Estou celebrando a alegria, a felicidade, esse é o propósito da vida. Vamos celebrar esse momento de Natal. E aproveitar para correr. É minha primeira meia maratona, treinei bastante. E agora é correr como Papai Noel e chegar até santa Eudóxia”, afirmou Rodrigues Dantas, engenheiro.

A Meia Maratona Água Vermelha-Santa Eudóxia foi realizada neste domingo (3) pela Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer. Quinhentos e trinta e sete atletas fizeram a inscrição. Quatrocentos participaram da largada e cinco atletas não concluíram a prova. “Até o tempo ajudou, não fez aquele calor grande e conseguimos fazer um grande evento. Essa prova serviu como um piloto, para 2018 teremos outros eventos. Quero destacar a falta de comprometimento de algumas pessoas que se inscreveram e não participaram da prova. A Prefeitura preparou toda uma logística e 137 não compareceram, tirando o espaço de outros atletas. Quem não fez a prova tem até o final da semana para justificar sua ausência. Pelo regulamento, quem não justificar não poderá participar da prova no próximo ano”, disse Marco Amaro, diretor de Fomento ao Lazer.

O primeiro colocado na categoria geral masculino foi o atleta Fábio Mota Paiva. “Uma prova muito difícil. Os primeiros 10 km parecem fáceis, mas a partir do km 12 é pura superação”, contou.

A vencedora na categoria geral feminino também achou a prova difícil. “A prova sem dúvida foi bastante difícil. Até o km 12 estava relativamente tranquila, a partir disso, o bicho pegou. Foi preciso controlar e administrar para garantir a vitória”, afirmou Luisa de Baptista Bastos Duarte, 1º lugar feminino geral.

Para o secretário de Esportes e Lazer, Edson Ferraz, a Prefeitura retomou uma prova tradicional demonstrando organização e integração. “Retomamos uma prova que era tradicional com uma organização impar, oferecendo boas condições para a participação dos atletas. Nosso papel é esse, fomentar os eventos. Estamos conversando com o prefeito Airton Garcia e outras secretarias para criamos um circuito de corrida na cidade de São Carlos. A proposta é realizar diferentes provas, em diferentes bairros e regiões”, contou.



Deixe seu Comentário