Home » São Carlos e Região » “Economíadas Caipira”: jogos históricos merecem atitudes e ações históricas

“Economíadas Caipira”: jogos históricos merecem atitudes e ações históricas

Competição universitária deixa seu legando envolvendo responsabilidade social, conscientização sobre o meio ambiente, acolhimento, além de gerar renda e trabalho temporário em São Carlos

No feriado de ‘Corpus Christi’ a cidade São Carlos recebeu a XXIª edição da “Economíadas Caipira”, competição universitária que tem como objetivo integrar as maiores faculdades de negócios do interior de São Paulo, Paraná e Minas Gerais.

Durante a sua realização, reuniu aproximadamente 3.500 universitários oriundos das atléticas Fea Usp Ribeirão, Unesp Jaboticabal, Unicamp, Unicamp Limeira, UFU, PUC Campinas, Facamp, UEM, UEL, Ufscar Sorocaba, Universidade. Metodista e Anhembi Morumbi, os quais em total clima de integração disputaram ferrenhamente mais esse título, que acabou consagrando pela 15ª vez, a FEA USP – RP.

Mas, muito além de jogos universitários, a passagem da “Eco Caipira” por São Carlos deixou um legado inquestionável para a cidade sede. Além de seu impacto na economia local com a injeção de mais de R$ 2 milhões junto ao comércio são-carlense (que se preparou para atender a demanda universitária), houve a geração de 1.300 vagas temporárias distribuídas entre postos de barman’s, seguranças, equipes de limpeza, eletricistas, carregadores, staff de alimentação, técnicos de estrutura e arbitragem.

Há que se ressaltar também os empregos indiretos nos setores de hotelaria, alimentício, taxistas e motoristas de vans, além dos ambulantes da cidade. Ou seja, a ‘Eco Caipira’ movimentou espaços públicos, a economia e todo o trade turístico entre os dias 20 e 23 de junho.

Mas não é só. Com responsabilidade e autonomia, abriu espaço para a discussão e conscientização do respeito e tolerância, com ações para inibir o preconceito, a discriminação e a violência, mantendo em todos os seus locais de jogos e integração, tendas de acolhimento.

Outra questão que se fez presente durante a ‘Eco Caipira’ em São Carlos, foi o cuidado com o meio ambiente. Visando uma diminuição do lixo produzido pela grande quantidade de copos descartáveis utilizados, não foram oferecidos objetos deste tipo, apenas copos retornáveis.

“Jogos históricos merecem atitudes históricas. Tivemos a conscientização de não fazermos parte de uma estatística trágica para o meio ambiente, pois, é de conhecimento que uma pessoa consome em média 10 COPOS DESCARTÁVEIS em um evento Open Bar. Este número absurdo contribui para a produção de mais de 150 toneladas de copos descartáveis por dia no Brasil! E o pior de tudo, apenas 3% desse volume é reciclado”, destacou o presidente da Eco Caipira, Leonardo Limeira Dias Rodrigues.

LEGADO AO MEIO AMBIENTE – além de não disporem de copos descartáveis, contribuindo com a redução de lixo despejada no meio ambiente, representantes das atléticas envolvidas retornarão à São Carlos no próximo dia 20 de julho, quando farão a doação de 100 mudas de árvores à administração municipal, para que possam ser plantadas em locais estratégicos.

“Essa é uma das formas que encontramos de agradecer a receptividade da cidade e da sua população à nossa competição e aos participantes”, disse Leonardo.

SOLIDARIEDADE – outra campanha desenvolvida durante a realização dos jogos universitários foi a arrecadação de alimentos. Algumas dezenas de quilos de alimentos foram encaminhadas à Prefeitura Municipal, para que sejam destinadas às famílias carentes atendidas no município.

“Ao término de nossa competição, chegamos à conclusão de que a Economíadas Caipira conquistou São Carlos, assim como São Carlos também conquistou as mais de 3,5 mil pessoas que estiveram na cidade”, finalizou o presidente dos jogos.

Por Assessoria de Imprensa ‘EcoCaipira’

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*