Home » São Carlos e Região » Suzantur destina R$168 mil para a UTI da Santa Casa de São Carlos

Suzantur destina R$168 mil para a UTI da Santa Casa de São Carlos

A dinâmica de trabalho da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de São Carlos ganha um novo aliado no atendimento, com a aquisição de uma Central de Monitorização. O equipamento foi adquirido com a verba de R$168.785,14 destinada à Santa Casa pela Transportadora Turística Suzano Ltda. (Suzantur), empresa que presta serviço de transporte coletivo em São Carlos.
Além da Central de Monitorização, a verba possibilitou a compra de 11 monitores, sendo quatro deles polígrafos – para aferição de pressão invasiva, pressão átrio esquerdo, pressão de artéria pulmonar- equipamento que viabiliza acoplar módulos com novas tecnologias essenciais ao setor de terapia intensiva. O valor possibilitou ainda a aquisição de três camas específicas de UTI. Os equipamentos já foram comprados e devem ser entregues na segunda quinzena de novembro.
A verba é relativa a um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) aplicado pelo Ministério Público (MP) à empresa, decorrente de um problema no processo de implantação da bilhetagem, quando a empresa chegou à cidade, em 2016.
Segundo o diretor presidente da Suzantur, Claudinei Brogliato, a empresa poderia recorrer da decisão, mas estabeleceu que pagaria a multa desde que o valor fosse destinado à Santa Casa de São Carlos. “O valor dessas multas vai para um fundo do MP e pode ser usado em várias áreas, inclusive pode ir para outros municípios. Como estamos trabalhando em São Carlos e conhecemos as dificuldades que a saúde da cidade passa, sinalizamos nosso desejo em contribuir desta forma, o que foi acatado pelo então promotor de justiça, Dr. Denilson de Souza Freitas. Estamos muito satisfeitos que este dinheiro tenha ficado em São Carlos e que de forma efetiva salvará muitas vidas, melhorando a saúde na cidade”.
O provedor da Santa Casa, doutor Antônio Valério Morillas Júnior salientou a importância dessa contribuição para modernizar a UTI do hospital, que atende à demanda de São Carlos e de mais cinco cidades da região, somando uma população de 390 mil habitantes. “A Santa Casa é referência no atendimento de média e alta complexidade para toda a região, muitos desses casos acabam internados na UTI. A aquisição de equipamentos que embarcam novas tecnologias trará agilidade e fidelidade no tratamento desses pacientes”. A Santa Casa oferece dez leitos na UTI Coronária e dez leitos na UTI Geral para pacientes adultos.
O médico, José Carlos Bonjorno Júnior, coordenador da UTI, explicou que a aquisição da central e dos monitores é um projeto que há algum tempo a Santa Casa vem almejando. “Era meu sonho de consumo como coordenador da UTI. Apesar de ainda termos muitos problemas, estamos animados com essa aquisição. Trará uma evolução significativa no nosso trabalho”.
De forma simplificada, Bonjorno explicou que os monitores “conversam” com a central, que será posicionada no coração da UTI. “A central ficará onde se encontram os profissionais, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos e médicos. Os monitores de cada leito enviam as informações para tela da Central de Monitoramento, que avisa, por meio de sinais, alarmes e luzes, qual o quadro clínico do paciente e se há alguma intercorrência ou alguma situação de risco. Isso irá agilizar a resposta da UTI nos cuidados com os pacientes”.
Softwares modernos, que são acoplados aos monitores, darão maior segurança e credibilidade ao resultado dos tratamentos. São módulos de alta tecnologia que atuam em monitoramentos específicos como pressão invasiva e pressão intracraniana, entre outros. “Hoje, por exemplo, conseguimos fazer apenas duas cirurgias cardíacas por semana por falta de monitor para o pós-cirúrgico. A partir de agora, com esses novos equipamentos, teremos condições de fazer cirurgia cardíaca todos os dias. Teremos um ganho de qualidade no nosso trabalho e na segurança dos pacientes”, conclui Bonjorno.

Fonte: Santa Casa de São Carlos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*