Home » São Carlos e Região » VIGILÂNCIA SANITÁRIA ORIENTA CONSUMIDORES PARA A COMPRA DE ALIMENTOS APÓS A PARALISAÇÃO

VIGILÂNCIA SANITÁRIA ORIENTA CONSUMIDORES PARA A COMPRA DE ALIMENTOS APÓS A PARALISAÇÃO

A Vigilância Sanitária de São Carlos vai intensificar as fiscalizações aos estabelecimentos que comercializam alimentos e está orientando os consumidores para a compra de produtos, principalmente refrigerados e congelados, após a paralisação dos caminhoneiros.

Segundo a chefe da Vigilância Sanitária, Maria Fernanda Cereda, os consumidores devem tomar alguns cuidados ao ir às compras nesse retorno do abastecimento dos supermercados. “A preocupação é com a conservação inadequada de alimentos refrigerados e congelados durante o movimento. Os consumidores devem estar atentos às características sensoriais: cor, odor e textura e outros sinais de alteração no ato da compra de carnes, frangos e pescados; leite, queijos, iogurte, sobremesas lácteas e outros derivados lácteos; além de embutidos como linguiças, salsichas, mortadelas, presunto e outros”, explicou Fernanda.

O consumidor deve checar a integridade das embalagens, principalmente, dos produtos congelados, data de validade e à forma adequada de armazenamento. Ao comprar massas e pães de queijo verificar o crescimento de fungo e esfarelamento do produto.

Em produtos congelados, observar pontos amolecidos ou presença de líquido congelado no interior da embalagem sem ser parte integrante do produto, isso pode indicar que a mercadoria descongelou e foi recongelada. No caso das carnes, deve-se verificar a viscosidade, a coloração e o odor. Nos laticínios, checar se há estufamento da embalagem.

“Se durante a compra o consumidor tiver qualquer suspeita que o alimento esteja inadequado para consumo deve encaminhar denúncia a Vigilância Sanitária. É preciso informar nome, marca, lote e validade do produto, nome e endereço do fabricante e nome e endereço do estabelecimento comercial onde o produto foi adquirido”, informou Fernanda Cereda.

Em São Carlos, as denúncias para a Vigilância Sanitária podem ser feitas pelo telefone (16) 3372-5275, ou na sede do órgão, avenida Dr. Carlos Botelho, 3.469.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*